As últimas de Valinhos

Camâra de Valinhos

Valiprev aprovado na Câmara passa a valer em agosto

Instituto de Previdência vai administrar benefícios dos servidores efetivos da Prefeitura, Câmara e DAEV

 

O prefeito Clayton Machado sancionou a lei que cria o regime próprio de previdência dos servidores públicos municipais e o instituto Valiprev. A partir de agosto, os funcionários públicos efetivos da Câmara, da Prefeitura e do DAEV – Departamento de Águas e Esgotos – não vão mais contribuir com o INSS para garantir a aposentadoria e outras vantagens, como auxílio doença. Todos os benefícios serão concedidos pelo Valiprev. A publicação da lei ocorreu na edição da Imprensa Oficial desta sexta-feira (12/07).
 
O projeto de lei que criou o regime de previdência esteve em tramitação na Câmara desde o início do ano e, neste período, recebeu mudanças sugeridas pelo vereador e presidente da Câmara, Lorival Messias de Oliveira (PT). Ao todo, dez emendas foram apresentadas e aprovadas pelo plenário. As alterações foram pontuais e, na prática, aumentaram o poder dos servidores efetivos na condução do Conselho Administrativo do Valiprev.
 
Durante a tramitação do projeto, a Câmara recebeu a visita do advogado Fernando Stein, que proferiu palestra aos servidores, tanto da Câmara quanto da Prefeitura e do DAEV, para explicar o impacto do novo regime de previdência nos cofres públicos e na concessão de benefícios aos funcionários.
 
O presidente Lorival ressaltou a importância de se oferecer espaço na Câmara para que todos os servidores pudessem tirar dúvidas. “Trata-se de uma postura de transparência e de respeito. Esse projeto é muito importante e nada mais justo que os funcionários, que serão diretamente impactados pela mudança, participem da discussão”, afirmou Lorival na ocasião.
 
De acordo com o advogado Fernando Stein – especialista no assunto e responsável pela implantação de regimes próprios em várias cidades do Estado - a Prefeitura precisava, com urgência, promover mudanças na atual forma de concessão dos benefícios.  A justificativa é que o Tribunal de Contas rejeita o pagamento de complementações nas aposentadorias, o que vinha sendo praticado pela Administração. “A Constituição Federal é clara quando diz que o regime de previdência é de caráter contributivo”, alertou o advogado. 


 

Servidor pode receber aposentadoria acima do teto do INSS

  
Com a instituição do Valiprev, o servidor aposentado terá direito de receber valor maior que o teto do INSS, no entanto, ele deverá contribuir com 11% em cima do valor excedente. Por exemplo, uma pessoa pode receber R$ 6.159,00 de aposentadoria, mas como o valor está acima do teto do INSS – atualmente R$ 4.159,00 - ela terá que contribuir com base no valor excedente, no caso R$ 2 mil. “Os 11% é uma exigência de lei federal. Todo regime próprio não pode ter alíquota menor que essa. Os servidores vão pagar o mínimo possível em Valinhos”, explicou o advogado Fernando Stein. 
 

Quem atualmente recebe da Prefeitura complementação da aposentadoria vai continuar com o benefício. O que muda é a contribuição que deverá se feita ao Valiprev. “Quando a lei entrar em vigor, a Administração não pagará mais novas complementações, só ficará com as antigas. Tudo deverá ser pago pelo Valiprev”, afirmou Stein.

Os benefícios para a cidade e para os funcionários públicos efetivos são maiores do que os concedidos para aqueles que trabalham na iniciativa privada e dependem do INSS, segundo o advogado. Além da possibilidade de se aposentar com o salário integral ou com a média dos 80% maiores salários recebidos, o servidor não terá a aplicação do fator previdenciário, o que, na prática, reduz o valor das aposentadorias.
 
O atendimento aos funcionários também será mais ágil no Valiprev. A explicação é que o instituto vai administrar as contribuições de um número reduzido de trabalhadores, diferentemente do que ocorre no INSS. 

 

 

Ministério da Previdência destaca economia aos cofres públicos
 e investimentos em outras áreas

 
A implantação do regime próprio de previdência dos servidores efetivos de Valinhos vai possibilitar economia aos cofres públicos. Como acontece no regime geral do INSS, a Prefeitura precisa contribuir com valor mensal da mesma forma que os funcionários contribuem. No entanto, a contribuição patronal, como é chamado esse valor pago pela Administração, será menor no Valiprev.
 
De acordo com o Ministério da Previdência Social, a economia conquistada em outras cidades possibilitou investimentos em áreas importantes, como saúde e educação.
  
 
 

Administração do Valiprev será exercida pelos servidores

 
Os próprios servidores serão os responsáveis por administrar o Valiprev. O instituto será formado por profissionais nomeados pelo prefeito e por servidores, que serão eleitos de forma direta e secreta.
 
A administração dos recursos previdenciários está sujeita às regras do Conselho Monetário Nacional, às regras estabelecidas pela lei, que será aprovada na Câmara, e à Política de Investimentos que o Conselho de Administração do VALIPREV deverá aprovar anualmente. O regime próprio será regulado, ainda, por regras rígidas previstas em uma extensa legislação federal.

 
Tire suas dúvidas em Perguntas e respostas sobre o Valiprev

O Ministério da Previdência Social elaborou cartilha que mostra os avanços do regime próprio de previdência. Veja aqui

 



Notícias relacionadas

  • Advogado tira dúvidas de servidores sobre o regime de previdência Valiprev

      Os funcionários públicos efetivos da Prefeitura de Valinhos e também do DAEV - Departamento…

    leia mais leia mais
  • Relatório da CPI do Valiprev será encaminhado ao Ministério Público

    O relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito aberta para investigar possíveis…

    leia mais leia mais
  • Relatório final da CPI do Valiprev está na pauta da sessão desta terça-feira (23) 

      Os vereadores devem votar na sessão desta terça-feira (23) o projeto de resolução que aprova o…

    leia mais leia mais
  • CPI do Valiprev encerra fase de oitivas

    A Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga supostas irregularidades no concurso público do…

    leia mais leia mais
  • CPI ouve presidente do Conselho Administrativo do Valiprev

    A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que investiga supostas irregularidades no concurso…

    leia mais leia mais
  • CPI do Valiprev marca oitivas para os dias 16 e 20

        A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que investiga supostas irregularidades no concurso…

    leia mais leia mais
  • Presidente do Instituto INDEC presta depoimento na CPI do Valiprev

    O presidente do Instituto INDEC, responsável pela organização do concurso público do Valiprev,…

    leia mais leia mais
  • Testemunhas são ouvidas na CPI do Valiprev

    A Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga supostas irregularidades no concurso público do…

    leia mais leia mais
  • Câmara aprova dois projetos sobre Valiprev

    Os vereadores aprovaram com 11 votos favoráveis em segunda discussão durante sessão extraordinária…

    leia mais leia mais
  • Projeto que proíbe zoológicos e parques que mantêm aprisionados animais exóticos e silvestres em Valinhos é aprovado

    Os vereadores aprovaram por unanimidade, na sessão desta terça-feira (15), projeto de lei do…

    leia mais leia mais
Câmara Municipal de Valhinhos
Notícias
  • Câmara recebe debates sobre Plano Diretor e Serra dos Cocais

    #PraCegoVer: Foto mostra parte da Serra dos Cocais, com muito verde e parte da cidade ao fundo,…

    leia mais leia mais
  • Conselhos de turismo do Circuito das Frutas se encontram no plenário da Câmara

    #PraCegoVer: Foto mostra um dos palestrantes do evento, José Fernandes Franco, do grupo de hotéis…

    leia mais leia mais
  • Vereadores derrubam três vetos do prefeito Orestes Previtale

    #PraCegoVer: Foto mostra o plenário da Câmara com os vereadores sentados em seus lugares    Três…

    leia mais leia mais
  • Aprovado projeto que obriga cartazes para divulgar atendimento emergencial a vítimas de violência sexual

    #PraCegoVer: Foto mostra mulher em um ambiente escuro. O seu rosto, com os olhos inchados após…

    leia mais leia mais
  • Projeto que propõe selos “Amigo Solidário” e “Empresa Solidária” é aprovado

    #PraCegoVer: Foto mostra vereador de costas, lendo um documento durante a sessão ordinária    Os…

    leia mais leia mais
  • Conti propõe que hospitais enviem para a polícia prontuários com indícios de violência contra a mulher

    #PraCegoVer: Vereador Henrique Conti discursa ao microfone na tribuna da Câmara durante…

    leia mais leia mais
  • Educadoras recebem homenagem na Câmara

    #PraCegoVer: Mulher corrige exercícios do caderno enquanto um menino a observa em uma sala de aula…

    leia mais leia mais
  • Vetos do Poder Executivo voltam à pauta da sessão

    #PraCegoVer: Foto mostra a mão de um vereador folheando documentos durante a sessão…

    leia mais leia mais
  • Câmara marca audiência pública para discussão do orçamento 2020

      Foi marcada para o dia 21 de novembro, às 9h, audiência pública para apresentação e discussão…

    leia mais leia mais
  • “Virada Feminina” é tema de projeto de lei em Valinhos

    #PraCegoVer: Vereador Kiko Beloni discursa na tribuna do plenário da Câmara durante a sessão. O…

    leia mais leia mais
Arquivo de Noticias
Hino de Valinhos